Vendramini quer substituir Bernal no comando do PP

“Partido está bem, o problema é ele”, diz deputado
As divergências entre integrantes do Partido Progressista (PP) continuam e durante sessão desta terça-feira (14), na Assembleia Legislativa, deputado Evander Vendramini declarou que vai colocar nome dele a disposição para presidir o diretório regional. “O partido está bem, o problema é ele (Alcides Bernal, presidente da sigla)”, reclamou.
O deputado lembrou também das eleições de 2018 em que o fundo partidário foi distribuído entre os candidatos. “Ele não ajudou ninguém e, aliás, usou do fundo para beneficiar amigos, eu recebi uns R$50 mil enquanto teve candidato que recebeu R$150, R$160 mil”, disse o deputado.
O parlamentar indagou o presidente da sigla perguntado qual o critério que ele utilizou, na ocasião, para distribuir o fundo. “Amizade? Tem que ter igualdade”, reforçou.
Vendramini apontou também a falta de articulação, segundo ele, de Bernal em relação ao partido. “Temos 77 municípios sem diretório e sem provisórios. Ao invés de ficar brigando em grupo ele deveria estar organizando o partido”, criticou.
Corumbá 
O deputado declarou também que não será candidato a prefeito de Corumbá pelo PP. “Tem que ter gratidão. E eu respeito o prefeito (Marcelo Aguiar Lunes) e vou apoiar ele na reeleição”, finalizou. * Correio do Estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *