Bolsonaro já negou, diz Nelsinho sobre presidente convocar ato contra Congresso

Em post nas redes sociais, Bolsonaro justificou que pelo WhattsApp compartilha com amigos mensagens ‘de cunho pessoal’
O senador Nelsinho Trad (PSD) manifestou-se sobre polêmica envolvendo suposto compartilhamento pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de vídeo convocando a população a participar de ato contra o Congresso Nacional dizendo que ele negou ter disseminado informações que agridam as instituições.
Em post feito em suas redes sociais, Bolsonaro, na verdade, não chegou a negar que tenha enviado a convocação. Ele justificou, contudo, que possui apenas algumas dezenas de amigos em sua rede de WhattsApp e que por ela compartilha mensagens ‘de cunho pessoal’.
O posicionamento foi atacado por congressistas em todo o País. Para deputados e senadores, o desrespeito ao Congresso atinge a própria democracia. Mesmo apostando na negativa de Bolsonaro, Nelsinho reiterou que atitudes que abalem as instituições não têm sua aprovação.
“O próprio presidente Jair Bolsonaro nega que tenha disseminado qualquer mensagem que venha agredir as instituições, o Congresso ou STF. Porém quaisquer atitudes ou mesmo provocações que venham abalar as instituições democráticas terão a nossa reprovação”, afirmou, sobre o episódio. * Midiamax.
Confira a íntegra da postagem feita sobre o caso:
Jair Messias Bolsonaro

há 22 horas

— Tenho 35 milhões de seguidores em minhas mídias sociais (Facebook, Instagram, YouTube e Twitter) onde mantenho uma intensa agenda de notícias não divulgadas por parte da imprensa tradicional.
— Já no Whatsapp tenho algumas poucas dezenas de amigos onde, de forma reservada, trocamos mensagens de cunho pessoal.
— Qualquer ilação fora desse contexto são tentativas rasteiras de tumultuar a República.
— PR JAIR BOLSONARO
Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *