Após pai morrer pela Covid, prefeito contaminado desabafa: ‘Achei que era uma gripezinha e não é’

Juliano Ferro (DEM), chefe do Executivo em Ivinhema, disse que medidas serão tomadas até que os números da infecção pelo novo coranavírus reduzam na cidade.

Dois dias após enterrar o pai com Covid-19, o prefeito de Ivinhema, em Mato Grosso do Sul, Juliano Ferro (DEM), fez um desabafo neste sábado (16) sobre a doença e anunciou que medidas serão tomadas no município para que haja redução no número de infectados pelo novo coronavírus.

“Fui em alguns momentos irresponsável. Achei que esse Covid era só uma gripezinha. E não é uma gripezinha não. Anteontem eu enterrei meu pai […]. 59 anos. Uma saúde de ferro. Nunca vi meu pai gripado. Ficou 26 dias em coma induzido. Eu estou contaminado. Minha esposa está contaminada. Minha filha. Minha sobrinha”, disse o prefeito do município que fica a 282 quilômetros de Campo Grande.

Enquanto falava, Juliano Ferro por diversas vezes tossiu, demonstrou cansaço e falta de ar. Sintomas da Covid-19. “Não é uma gripezinha. Não é brincadeira. Vejo que o povo não está nem aí. […] Semana passada foram mais de 100 testes positivos aqui em Ivinhema. Essa semana também mais de 100. Isso de pessoas que fizeram o teste”, falou.

O prefeito citou que ele esteve comemorando a vitória à administração da cidade junto a diversos eleitores e se culpa por isso. “Fiz um ato de irresponsabilidade e estou pagando caro por isso. […] Estou morrendo de medo, e choro a toda hora, de ter que enterrar eu mesmo ou alguém próximo a mim. Um já enterrei”.

Juliano Ferro ainda pediu que as pessoas respeitem as regras de distanciamento social e anunciou mudanças para que haja redução no número de contaminados na cidade.

“Decisões drásticas eu vou tomar. […] Se vocês não se precaverem, não se segurarem dentro de casa, eu vou ser obrigado a tomar decisões drásticas. […] Vai ficar aberto só a Saúde e a Assistência Social e mesmo assim reduzido. O resto, tudo fechado […] Se necessário, iremos fechar o comércio sim, até baixar o número de contaminados”, finalizou Ferro, que deve anunciar medidas de combate à pandemia na cidade na próxima semana.

Ele, a filha, a esposa e a sobrinha cumprem isolamento em casa e tomam os remédios prescritos pelos médicos.

Fonte: G1 MS

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *