Mandetta alerta para temporada da gripe, que também precisa de vacina

Governo Federal já anunciou que a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza começa no dia 12 de abril

O ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, usou as redes sociais para lembrar da temporada da gripe, que está prestes a começar com a chegada do outono. “Se não vacinarmos contra a gripe, vai potencializar a crise do coronavírus, dentro de um sistema que não cabe mais ninguém”, destacou.

Mandetta afirma que “um elemento não está sendo observado nem pela imprensa nem pelo Ministério da Saúde” é “a sazonalidade da gripe”, que começa em abril e atravessa maio. “A vacina da gripe precisa ser distanciada da de corona. Quem precisa tomar é exatamente quem está na faixa de vacina contra corona agora”.

No entanto, o Governo Federal já anunciou que a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza começa no dia 12 de abril e vai até 9 de julho. O público-alvo estimado é de 79,7 milhões de brasileiros. A meta é vacinar, pelo menos, 90% dos grupos prioritários.

Tomar a vacina da gripe também é importante para evitar o surgimento de complicações decorrentes da doença, óbitos, internações e a sobrecarga nos serviços de saúde. Além disso, a imunização vai ajudar a reduzir os sintomas que podem ser confundidos com os da Covid-19.

A Fiocruz não recomenda que a vacina da covid-19 seja tomada junto com a da gripe. Se for o caso, priorize o imunizante contra o novo coronavírus e aguarde 14 dias para tomar a vacina da gripe. Isso porque ainda não estudos sobre a interação entre as duas vacinas.

Fonte: topmídianews.
Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *