Açougueiros são presos por furtar carne de conveniência na Capital

Produto era vendido em outros estabelecimentos sem a nota
Três pessoas foram presas nesta sexta-feira (14), pelo GOI (Grupo de Operações e Investigações) da Polícia Civil. Uma mulher de 29 anos e dois homens, 41 e 42 anos, estariam desviando carne da conveniência onde trabalhavam no bairro Nova Lima em Campo Grande.
Segundo o delegado, Antenor Batista da Silva Junior, da 2ª Delegacia de Polícia Civil, a dona do estabelecimento fez a denúncia após perceber que comprava uma quantidade de produto e ao fazer o fechamento das notas, o que era vendido e o que tinha em estoque não correspondia ao total.
Observando as câmeras de segurança do local, ela descobriu que quando comprava o boi inteiro, que vem dividido em quatro parte – 2 traseiros e 2 dianteiros – o motorista e distribuidor de 41 anos, descarregava apenas três e ficava com uma das peças no caminhão.
Em acordo com os outros dois autores, que seriam açougueiros no local, o motorista levava a carne roubada para outros estabelecimentos e vendia por R$ 1 mil sem nota. Do total ele ficava com a metade – R$ 500 e os outros dois ficavam com R$ 250 cada.
Aos policiais a proprietária da conveniência, contou que chegou a questionar os funcionários sobre o problema e eles disseram que ela estaria fazendo as contas de forma errada. Ela disse que talvez fosse isso mesmo, e informou a polícia sem fazer alarde.
Na manhã desta sexta-feira, os autores teriam realizado a mesma ação e ao perceber a comerciante acionou a polícia que foi ao local e prendeu os três em flagrante por furto qualificado pelo abuso de confiança e por associação criminosa. * midiamax.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *